Publicado em Sem categoria

Meu avô nos deixou hoje. Do nada… estive com ele na semana passada, antes de vir embora. Mostrei o álbum do casamento que tinha ficado pronto depois de tanto tempo. Ainda bem que estive lá. Ainda bem que deu tempo…

Ele parecia bem; não reclamou de dor, mal-estar, nada! Agora estou aqui. 3000km de distância, sem poder fazer nada… tem hora que a vida cansa… as pessoas vão indo embora, uma a uma… estou arrazada… porque a gente sempre fica com a impressão de que poderia ter feito ou falado algo e não fez? Saudades vô…

Anúncios

3 comentários em “

  1. Eu moro longe da minha família desde que me casei. Se tem o lado bom, de aprender a se virar sozinha e fortalecer o elo com seu marido, tem o lado péssimo de não participar das pequenas coisas familiares.Sinto pelo seu avô, mas que bom para ambos terem ficado juntos no último mês.beijo

    Curtir

  2. Nossa Vi, sinto muitissimo pelo seu avo..imagino como vc deve estar se sentindo. Fique tranquila, tenho certeza que ele foi embora feliz, feliz por ter tido alguns minutos ao seu lado antes de se encontrar com Deus e agradecer a Ele, pela familia linda que ele teve. Bjs

    Curtir

  3. Claudia: Essa é, sem dúvida, a pior parte de morar longe… Mas tudo na vida passa, né? A gente só não sabe quando… bjRe: Você tem razão. Ele cumpriu a missão que dizem que trazemos… mas é duro saber que quando estiver lá, ele não vai estar. É péssimo quando a pessoa se vai sem aviso. Fazer o que? bj

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s